Agradecemos sua visita e informamos que estamos inativos por tempo indeterminado.

Acesse nossos arquivos no menu ou nos links laterais.

















quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Quem quer pão?!


Olá pessoas!

Sou Mônica Tachotte e como vocês podem ver hoje, tem coluna nova no DNB! A coluna tem o enfoque de analisar o momento high society e gastronômico das vernissages que acontecem nos principais espaços de Brasília.

Então vamos ao que interessa!

No mês de agosto aconteceu no Espaço Cultural Contemporâneo – ECCO a abertura da exposição Sur La Rote (Na estrada). Karla Osório - a manda-chuva do pedaço - junto com a francesa Blandine Gwizdala escolheram artistas brasileiros e franceses para integrarem a exposição.



Ao som de um saxofonista (que por sinal estava tocando na laje), tivemos um evento que foi recheado de socialites brasilienses, integrantes das embaixadas, artistas, professores da UnB e anônimos. Uma das figuras de maior destaque na festa foi o professor e diretor de peças teatrais Hugo Rodas, que estava esbanjando simpatia e alegria pelos espaços do ECCO.


No quesito comidinhas, nunca ví uma verni com tanto carboidrato! Pãezinhos, torradinhas, empadinhas, folheados de diversos tipos e tortinhas faziam parte do cardápio da festa. Alguns desses quitutes chamaram atenção pelo seu sabor, então nada melhor do que dar nota a eles, né?! Bom, o que recebeu nota zero, foi pelo fato de ter um gosto de azeite acentuado e o tomate nem é sentido...


Nas bebidinhas, o que fez mais sucesso foi o drink na hora! Fazendo caipiroska e caipirum, os barmens conseguiram deixar muita gente de pilequinho. Agora, uma coisa que eu não posso deixar de falar é sobre a Pepsi! Sei que existem pessoas que preferem Pepsi a Coca-Cola, mas colocar Pepsi light é o fim, né! Será que é economia? Ou Karla Osório está preocupada com o sobrepeso das pessoas?



Espero que todos tenham gostado!

Nos vemos na próxima vernissage,
Mônica Tachotte.

12 comentários:

Carolina Barmell disse...

.

.hahahha,

amei!

.

Serial_Thrilla disse...

Como faço para virar uma "seguidora"?

Luciana Ribeiro (uma das Lucianas do IdA, hehe)

luciana paiva disse...

o bom da ecco é que vc pode ficar de espiã tirando umas fotos aéreas... heheh.
mas embora sua análise tenha sido muito profissional, acho que na próxima todos nós temos que participar da avaliação degustativa!

(Lu, pra ser seguidora é só ir lá embaixo na barra dos seguidores e clicar em "seguir" heheh... isso se vc tiver conta no blogger)

Luciana RRR disse...

pois, é fucei e acabei descobrindo!
Eu já tinha um perfil no blogger (de mil anos atrás e nem lembrava...) e agora já sou uma per-seguidora, hehe

Ah, agora sobre o post: preciso voltar a frequentar as vernissages, de tanto trabalhar nelas/durante tinha esquecido como é divertido. E concordo com a Luciana, temos que fazer um processo de "tasting" com mais jurados!

=)

Danielle disse...

Dona Mônica como sempre mandando bem!!!!
Parabéns pelos comentários Monikita. Vai ser bom saber das fofoquinhas e comentários da high society do cerrado!!! Beijos e boa sorte!!!

Dani Ramos

Luciana Bastos disse...

hahaha

adorei essa coluna!
super divertido..

bjos!

allan de lana disse...

deve ser melhor ter dor de estômago de risada dessa crônica do que ir numa verni tomar pepsi light com salgado gordurento. Não que a crônica seja comparável a uma pepsi light... na verdade ela foi legal e chique, parabéns!

Hugo Cabral disse...

Adorei a novidade do blog!
Arrase Mônica!
Também virei seguidor!

Patrícia Colmenero disse...

mulher, arrasou!
o texto ta divertidíssimo!
queria fotos socialites maiores!!!

gabri disse...

hahahahahah adorei isso aqui.
vernissage em bsb é um evento que merece uma coluna social mesmo - as mesmas caras - os mesmos lugares.
=***

Neiliane disse...

hahaha!!
só vi essa coluna agora e adorei! não conhecia esse lado da Mônica!
e esse lance da caipirinha foi inovador, hein?! curti muito.

beijocas*

monica tachotte disse...

Neilis eu sou quase um bombril cara, mil e uma funções!!!
rs...
beijão muié!